Notícia
publicado em: 11/12/2012
Negociações do mês de dezembro - Eletrosul

A campanha salarial de 2012 foi a mais dura dos últimos anos. Após 4 rodadas de negociação infrutíferas e o encerramento unilateral do processo negocial por parte do governo federal, não restou aos empregados da Eletrosul e de todo o grupo Eletrobras outra alternativa a não ser entrarem em greve no dia 16/07, por tempo indeterminado. Isso não acontecia no setor elétrico brasileiro há 22 anos. A greve foi marcada por um tratamento ditatorial e policialesco por parte da diretoria da Eletrosul, com pressão sobre os empregados e ajuizamento de recursos judiciais despropositados. Por parte dos empregados, a greve transcorreu de forma pacífica e ordeira. O movimento, intenso e com alta adesão dos empregados do setor elétrico, determinou a reabertura das negociações no dia 25/07. A contraposta da Eletrobras, de 6,6% de reajuste salarial (5,1% IPCA do período e 1,5% de ganho real) e mais uma indenização de R$ 2.800,00, na forma de quatro blocos extras de ticket alimentação, foi deliberada em assembleia, sendo aceita pela maioria dos empregados da Eletrosul. A greve encerrou-se no dia 26/07.

nas categorias: Empresas | Eletrosul
tags relacionadas:

Guia de Contribuição Sindical - acesse e imprima seu boleto

 
Sindicalismo no Brasil - Parte histórica


Jornal do Saesc nº92
10 dez 2012
SAESC - Sindicato dos Administradores do Estado de Santa Catarina
Rua dos Ilhéus, 38 , salas 602 e 603 - Centro - CEP 88010-560 - Florianópolis - SC
Fone/Fax: (48) 3222-8080 / 3224-3354 |